Show da Capital
Fredson Pereira
players

Confiança vence Freipaulistano por 4 a 2

Sergipe - 10/02/20 às 09:19h

Quem foi ao Batistão neste sábado, 8, para ver gols, saiu satisfeito. Pela terceira rodada da Copa do Nordeste, o Freipaulistano era o mandante oficial da partida no estádio Lourival Baptista, mas quem mandou no jogo foi o Confiança, que bateu o time de Frei Paulo por 4 a 2. E apesar do placar generoso em balanço de redes, a partida ainda foi marcada por várias chances desperdiçadas.

 

Com o resultado, o Confiança se consolida na liderança da chave B com sete pontos. Já o Frei se confirma na lanterna da chave A com apenas um ponto. Na próxima rodada, o Confiança receberá o River-PI no sábado, 15. Já o Freipaulistano visitará o Vitória-BA no domingo, 16.

O jogo

Logo nos primeiros minutos estava claro que o Confiança queria balançar as redes imediatamente. Sem deixar o Freipaulistano respirar, o time azulino foi pra cima em uma verdadeira blitz ofensiva. Mas a primeira chance clara foi do mandante. Aos 14, Tiquinho chutou forte, mas a bola bateu no próprio companheiro Caio – que ainda estava impedido. Dois minutos depois, o Confiança respondeu com bola na rede. Após ataque de Silva pela esquerda, a redonda sobrou no segundo pau para Reis encher o pé e acertar o ângulo: Confiança 1 a 0.

 

Aos 20, Ítalo chegou a acertar o travessão, e pouco depois, aos 28, Mikael se livrou da marcação e chutou em cima do goleiro Andrade. A frustração da torcida pelas chances perdidas pelo Confiança seria realmente sentida aos 37, quando o Frei empatou. Após cruzamento de Mateus da esquerda, Tiquinho, sozinho na área, fuzilou de primeira e igualou tudo: 1 a 1.

 

Na segunda etapa, mal houve tempo para iniciar as movimentações e o Confiança desempatou. Logo no primeiro minuto, Mikael recebeu lançamento, penetrou na área e tocou rasteiro na saída de Andrade: 2 a 1. Aos 29, Rafael Villa perdeu a mais clara chance de gol da partida. Depois de entrar na área e driblar o goleio, o meia chutou alto demais e isolou. A irritação da torcida azulina seria compensada aos 32: depois de cruzamento de Tiago Ennes, Reis subiu sozinho e cabeceou no ângulo enquanto o goleiro, imóvel, apenas olhava: 3 a 1.

 

O terceiro gol azulino não parou o Freipaulistano, que tambem se aproveitou do vacilo defensivo do Confiança. Aos 40, Luan conseguiu dominar e chutar de bico. A bola então desviou na zaga e entrou rasteira no canto esquerdo, enganando o goleiro Rafael: 3 a 2. E o jogo altamente ofensivo de ambos os lados só poderia ter um desfecho: um gol a mais quando todos pareciam satisfeitos. Aos 48, Marcelinho se livrou da marcação pela direita e tocou a meia altura para o meio da área, onde Alisson, de primeira, estufou as redes: 4 a 2. E nada mais alterou o placar.

 

Por Igor Matheus

Infonet

 




últimas notícias